ABRAÇANDO O MUNDO

Renate Emanuele

 

Tanta dor latente em toda terra

Também sofrimento manifesto

Miséria que grita em protesto

Sangue derramado em guerra

 

Família em caos de harmonia

O mundo confuso definhando

Enquanto larápios ganhando

Outros subjacente em agonia

 

Miséria e fome em evidência

Assolam esta terra que geme

A natureza angustiada treme

Manifestando sua existência

 

Gostaria de enviar ao irmão

Com fé o pensamento nobre

 A saúde e fartura ao pobre

E luz ao poderoso coração

 

De joelhos em amor profundo

Orando ao Senhor com fervor

Como nosso Cristo Redentor

Gostaria de abraçar o mundo